As trilhas de Bombinhas – parte 2

 

Os fatores que mais atraem os milhares de visitantes todos os anos para Bombinhas, é sem dúvida, sua natureza preservada e a tranquilidade típica de cidade do interior que este destino possui. E uma das melhores maneiras de viver essas características é percorrendo as trilhas de Bombinhas que estão em meio a Mata Atlântica e em áreas de preservação ambiental.

 

No post Trilhas de Bombinhas – parte 1 já apresentamos as trilhas da Galheta, Ribeiro e Sepultura. Agora vamos seguir conhecendo as trilhas de Bombinhas que farão você ficar ainda mais encantado com a cidade. Venha conosco!!

 

Trilha de 4 Ilhas

Do lado direito da praia de 4 Ilhas está uma das mais belas trilhas de Bombinhas. Desta trilha é possível avistar de outro ângulo as praias de Mariscal e Canto Grande Mar de Fora, e claro, a praia de 4 Ilhas.

 

Trilha da praia de 4 Ilhas - Bombinhas

Trilha da Praia de 4 Ilhas

 

O acesso a trilha fica bem no final da praia (lado direito) e o nível de dificuldade é moderado. Possui um percurso de média distância a sendo ideal para todos os perfis de pessoas. Com um trajeto pouco acidentado e relativamente curto, é possível fazer toda a trilha em menos de 2 horas.

Esteja preparado para tirar muitas fotos. As paisagens observadas de toda a trilha são lindíssimas e renderão boas recordações. Aliás, está é uma característica em comum entre todas as trilha de Bombinhas.

 

Trilha do Morro do Macaco

Como o próprio nome já sugere, está trilha dá acesso a um dos atrativos mais visitados de Bombinhas – o Morro do Macaco. A entrada da trilha é pela praia do Mar de Dentro e tem um grau de dificuldade elevado. Seu percurso de ida de quase 1 Km é em aclive. Ao mesmo tempo que isso torna o trajeto mais pesado, as paisagens que gradativamente vão aparecendo fazem valer a pena todo o esforço realizado para finalizar a trilha.

 

Trilha do Morro do Macaco - Vista Praia da Conceição

Morro do Macaco – Vista da Praia da Conceição

 

Do topo do Morro do Macaco é possível apreciar belas vistas. De um lado, as praias de Canto Grande – Mar de Dentro e Mar de Fora – cada uma com suas particularidades e belezas que encantam seus visitantes. Do outro, a vista da praia da Conceição é uma paisagem que vai ficar pra sempre na sua memória.

 

Trilha da Costeira de Zimbros

Esta trilha é uma das mais extensas da cidade de Bombinhas. A distância total do trajeto é de quase 4 Km. Localizada em uma Unidade de Conservação, denominada Parque da Costeira de Zimbros, a trilha possui um grau de dificuldade moderado e o seu percurso dá acesso a algumas praias “quase” desertas de Bombinhas (Triste, Lagoa, Vermelha e Cardoso).

 

Trilha da Costeira de Zimbros

Praia na Trilha da Costeira de Zimbros

 

Toda área onde a trilha está inserida é de preservação ambiental, protegida por lei municipal. Ali, a natureza está em seu estado puro. Muitas espécies de aves e pequenos mamíferos podem ser observados e as paisagens encontradas durante o percurso são de tirar o fôlego.

 

Estas são mais algumas trilhas de Bombinhas que merecem ser conhecidas e aproveitadas. Mas antes de finalizar gostaríamos de deixar algumas recomendações, para todos que irão aproveitar as trilhas de Bombinhas na sua próxima visita ao destino.

 

Dicas para aproveitar melhor as trilhas de Bombinhas

Nunca é demais reforçar os cuidados que os visitantes devem ter quando estiverem desfrutando destes verdadeiros santuários naturais. As trilhas de Bombinhas merecem estas recomendações para continuar em seu estado pleno de preservação.

  • Roupas leves e calçados apropriados devem sempre prevalecer. Escolha materiais apropriados para este tipo de atividade.
  • Não deixar qualquer tipo de lixo nas trilhas. Uma boa estratégia é não levar alimentos ou produtos que resultem em materiais de descarte para as trilhas. Caso isso não seja possível, uma solução é levar uma mochila ou sacola para trazer de volta todo o material que for levado. Essa simples ação, tem um impacto muito positivo na natureza.
  • Outra recomendação importante: nunca retirar nenhum exemplar da fauna e da flora destes locais. Estas espécies não sobrevivem fora do seu habitat natural. Portanto não adianta retirá-los da natureza. Você apenas estará contribuindo para o gradativo desaparecimento destes atrativos naturais.

 

Gostou destas dicas? Agora você já sabe o que fazer em Bombinhas quando não quiser ir à praia.

 

Deixe um comentário e compartilhe este post com seus amigos.

 

Até a próxima!

 

 

Comente com seus amigos